Press Releases

Grupo Vodafone bloqueia publicidade em canais que promovem o ódio e/ou notícias falsas

Terça-feira, 6 de Junho de 2017
O Grupo Vodafone anunciou hoje novas regras globais que têm como objetivo evitar que a sua publicidade apareça em canais digitais orientados para a criação e partilha de discursos que promovem o ódio e/ou notícias falsas.

As novas regras definem aquilo que, para a Vodafone, significa “discurso de ódio” e “notícias falsas”, com o propósito de determinar se um canal digital deve ou não ser incluído numa `lista branca´ (whitelist), utilizando mecanismos de controlo implementados pela Vodafone, Google e Facebook. Estes mecanismos garantem que a publicidade da Vodafone é apenas mostrada dentro de canais selecionados e identificados como altamente improváveis de estarem centrados neste tipo de conteúdos.

Estas medidas serão revistas regularmente pela Vodafone e pela sua rede de agências a nível global (liderada pela WPP) a fim de garantir que a seleção de canais para a lista branca é equilibrada, isto é, nem demasiado restritiva nem excessivamente liberal.

Os discursos de ódio e as notícias falsas ameaçam debilitar os princípios de respeito e confiança que mantêm as comunidades unidas. A Vodafone assume um forte compromisso com a diversidade e a inclusão; damos também muito valor à integridade dos processos e das instituições democráticas, que são frequentemente os alvos dos veiculadores das notícias falsas. Não podemos aceitar que a nossa marca esteja associada a este tipo de conteúdos abusivos e perniciosos “, afirma o CEO do Grupo Vodafone, Vittorio Colao.

Mais informações sobre os Princípios da Vodafone podem ser consultadas aqui.

 

Contactos

Para esclarecimentos adicionais, por favor consulte a Direcção de Marca e Comunicação da Vodafone Portugal, através do formulário de contactos institucionais