Press Releases

Deerhunter, Yellow Days, Connan Mockasin, Balthazar, Boogarins e First Breath After Coma confirmados no Vodafone Paredes de Coura

Quinta-feira, 31 de Janeiro de 2019

Liderados pelo carismático frontman Bradford Cox, os Deerhunter apresentaram-se em 2001 com singulares misturas de sonoridades experimentais e de pop melancólico. Com o indie rock e o rock experimental de “Turn It Up Faggot” (2005) e “Cryptograms” (2007), os Deerhunter atraíram a atenção da indústria musical, mas foi o exuberante “Microcastle” (2008) que marcou o rumo da banda norte-americana. Apesar do sucesso rapidamente atingido, o quarteto continuou a desafiar-se e a procurar novos estilos. Reflexo desse novo percurso são as sonoridades cruas que ouvimos em “Monomania” (2013) e a delicadeza, porém assertiva, do mais recente álbum “Why Hasn’t Everything Already Disappeared?”. Para ouvir no Vodafone Paredes de Coura no dia 16 de agosto.

Desde o lançamento do EP de estreia, “Harmless Melodies”, que George van den Broek tem vindo a conquistar a indústria musical com as suas melódicas misturas de lo-fi soul unidas ao sotaque mascarado de ídolos do blues como Howlin’ Wolf e Ray Charles. No início de 2018, Yellow Days conquistou um público mais amplo graças ao single ‘Gap in the Clouds’. “Is Everything Okay In Your World?” apresenta uma afirmação segura daquilo que o músico tem para oferecer. Para ouvir no habitat natural da música no dia 15 de agosto.

O neozelandês Connan Hosford colheu os resultados dos primeiros sucessos no universo musical enquanto vestia o papel de carismático frontman dos Connan & the Mockasins. Apesar do êxito deste projecto, Hosford sentiu que o pop constrangia a sua individualidade e decidiu então, vingar numa carreia a solo para se expressar sem barreiras através do alter ego Connan Mockasin. “Forever Dolphin Love” (2011) foi o álbum de estreia daquele que se viria a tornar o artista favorito da crítica indie graças aos seus projetos conceptuais e ao soft rock inspirado nas sonoridades de 1970. A extravagância de Connan Mockasin está confirmada para o dia 16 de agosto no Vodafone Paredes de Coura.

Também no terceiro dia do festival, 16 de Agosto, surgem os belgas Balthazar. Com entoações de neo-psicadélico, electro-pop e garage punk adicionadas ao viciante e sonante indie rock, Balthazar nasceram em 2004. O álbum de estreia, “Applause” (2010), conta com misturas do premiado produtor Noah Georgeson. Dois anos depois, a banda apresenta Rats. Amplamente aclamados pela crítica, ambos os discos são distinguidos com o prémio de melhor álbum, em 2010 e 2012 respetivamente, pelos Music Industry Awards (MIA). Após uma pausa de quatro anos, “Fever” (2019), o quarto álbum de estúdio, marca o regresso do indie rock de Balthazar aos palcos.

A língua portuguesa foi sempre uma forte aposta na história do Vodafone Paredes de Coura. Nesta 27.ª edição é a vez de Boogarins, dia 14 de agosto, e First Breath After Coma, dia 16 de agosto, estarem presentes no habitat natural da música.

Vindos da solarenga cidade de Goiânia, os Boogarins nasceram graças à vontade de criar música de dois amigos de infância, Fernando Almeida e Benke Ferraz. O duo rapidamente passou a quarteto e, em 2013, surgiu o álbum de estreia “As Plantas que Curam”, seguido, dois anos depois, de “MANUAL” (2015), disco nomeado para melhor álbum de rock em língua Portuguesa nos Grammy Latinos. Depois de aclamados pela cena musical, a energia psicadélica de Boogarins promete conquistar o público no primeiro dia de festival com o esperado Sombrou Dúvida, com lançamento previsto para Maio deste ano.

Mais do que canções, a banda de Leiria, First Breath After Coma, define a sua música como temas onde géneros se cruzam em ambientes únicos, intensos e sensoriais. Nomeados pela Associação Europeia de Editoras Independentes para melhor disco europeu com Drifter, lançado em 2016, a banda portuguesa está de regresso com “NU”. Com lançamento previsto para março de 2019, o terceiro disco de originais terá uma forte componente visual e todos os temas ganham vida graças à colaboração com a CASOTA Collective.

Deerhunter, Yellow Days, Connan Mockasin, Balthazar, Boogarins e First Breath After Coma são as mais recentes confirmações para o Vodafone Paredes de Coura. O festival está de regresso à Praia Fluvial do Taboão entre os dias 14 e 17 de agosto e conta com os já confirmados The National, Boy Pablo, Acid Arab, Kamaal Williams, Father John Misty, New Order, Mitski, Spiritualized, Parcels, Julien Baker, Alice Phoebe Lou, Patti Smith, Krystal Klear, Romare, Flohio, Crumb.

Os passes gerais podem ser adquiridos em bol.pt, ticketea e locais habituais (FNAC, CTT, El Corte Inglés,…).

Contactos

Para esclarecimentos adicionais, por favor consulte a Direcção de Estratégia e Comunicação Externa da Vodafone Portugal, através do formulário de contactos institucionais